Escritório Imobiliário Paulo Oliveira Pinto
FACEBOOK CLIQUE AQUI E CURTA NOSSA PÁGINATWITTER CLIQUE AQUI E SIGA-NOSYOUTUBE CLIQUE AQUI E ASSINE PARA RECEBER NOSSAS ATUALIZAÇÕESBLOG CLIQUE AQUI E CADASTRE-SE PARA FICAR POR DENTRO DO MERCADO IMOBILIÁRIOLINKEDIN CLIQUE E VEJA MEU CURRICULO E ME ADICIONE.GOOGLE+ CLIQUE AQUI E NOS ADICIONEORKUT CLIQUE AQUI E NOS ADICIONE.

SALÁRIO PARA CORRETOR DE IMÓVEIS



Além de pagar as comissões, imobiliária remunera mensalmente seus profissionais.

A iniciativa reforça vínculos e produtividade aumenta.

 

Salário de corretorQue corretor de imóveis sobrevive da renda tirada das comissões,  todo mundo já sabe. Se não vender, não tem dinheiro. Fato. Mas o que pouca gente sabia é que essa realidade começa a mudar no mercado imobiliário. Atualmente. Já existem algumas imobiliárias que, desejando estreitar o vinculo com os corretores de imóveis, passaram a assinar a carteira de trabalho desses profissionais, com direito a todos os benefícios de um trabalhador comum. Sem falar no salario fixo que é pago a eles todo mês. 

 

Uma das empresas que passou a apostar nisso foi a BSB Tellus, com esse nome desde o mês de junho do ano passado depois da fusão entre a Tellus e a BSB Brooker que atua no mercado financeiro. O diretor comercial da imobiliária, André Luiz França de Melo, lembra que, em 2009, antes da atual fusão, a Tellus já havia testado o modelo. E deu certo. “A gente já testou, viu que funcionou e isso faz parte dessa nossa nova estrutura”, afirma André Luiz.

 

O diretor explica que, a cada dia. Os profissionais responsáveis pela comercialização de imóveis estão ficando mais capacitados para atuarem na área. Apesar disso. Segundo ele. Percebeu-se que estava ficando maior a vulnerabilidade na relação entre o corretor de imóveis e as empresas do setor. “À medida que esta qualificação ia aumentando,  a gente percebia que, inversamente a relação entre imobiliária e corretor ia ficando cada vez mais distante”, explica André. Ele ressalta também que, com essa relação frágil, o corretor de imóveis não se sente motivado para investir em uma carreira dentro da empresa. “Por outro lado, a imobiliária não investe no corretor por que acredita que não vai ter retorno. Então fica esse dilema que nunca se resolve. A gente, ciente dessa realidade, entendeu que criar uma relação mais estreita resolveria essa questão”, completa.


O presidente do sindicato dos corretores de imóveis do estado de Goiás (Sindimóveis –GO), Antônio Rosa de Mesquita, não apenas concorda como acha louvável o fato de empresas do ramo imobiliário criarem essa relação mais próxima com os corretores de imóveis. “O corretor será fiel à própria empresa. Terá um compromisso no trabalho, até por conta de um documento que foi assinado, que é a carteira profissional. Isso faz com que o corretor não fique pulando de galho em galho”, afirma. Antônio Mesquita lembra que essa já uma prática adotada em outros estados do Brasil. No Rio de Janeiro, por exemplo foi sancionado o piso salarial de R$ 865,00. "Sindicatos de outros estados já criaram um salário referencial para a categoria. Nós aqui em Goiás já estamos realizando um trabalho de base. Já nos reunimos com o governador do estado, Marconi Perillo, que nos indicou um deputado que comprou essa bandeira, o que permitirá que façamos nosso salário referencial para Goiás", lembra.

 


salario-corretor2 

 

 

 

 

"É uma operação que se paga e dá resultado. Isso se reverte em produção."

André Luiz França diretor comercial da BSB Tellus. 


ALÉM DO SALÁRIO

André Luiz conta que, na empresa dele, além do salário, o corretor de imóveis - que ele prefere chamar de executivo comercial - recebe todos os benefícios garantidos por lei como 13 salário e férias remuneradas. Sem falar nas ajudas de custo com combustivel, celular cedido pela própria empresa, subsidio para compra de notebook, entre outros. Mesmo assim, o executivo comercial segundo ele, recebe as comissões normalmente. "Trabalhamos com um comissionamento um pouco diferente. Ele é vinculado a um plano de metas, as comissões são proporcionais à produção, é por mérito. Se o corretor produz mais, ele ganha mais, se o corretor produz menos, ganha o mínimo legal."  

 

 

salário-corretor2

 

 

"Isso faz com que você queira sempre ser o ponta, queira sempre bater suas metas"

Luiz Magno, 'Executivo comercial'

 

 

Quem está feliz da vida com esse negócio é o ëxecutivo comercial" Luiz Magno Lima, 31 anos, na empresa desde junho. Ele faz parte dos 20 corretores de imóveis da BSB Tellus, selecionados através de um processo seletivo rigoroso em que envolveu mais de 600 candidadtos. Luiz está bem mais motivado para trabalhar. "É diferente quando você fala com os clientes e lida com os demais colegas. Isso porque você sabe que está sendo valorizado, que seu potencial está sendo bem aproveitado, que tem alguém que briga por você, que arca com muita coisa que sozinho você teria muitas dificuldades para arcar. Mais que isso: tem alguém que se importa contigo. Isso é muito importante, dá motivação para sairmos a rua e fazermos um bom trabalho", afirma luiz.

 

Seguro de que receberá o salário todo mês, Luiz Lima nega se sentir incomodado com isso. "Pelo contrário. Isso faz com que você queira sempre bater suas metas. Sinto que tenho, sim, uma responsabilidade maior, além daquelas que um corretor convencional tem. Mas o que tenho aqui me leva a querer estar bem mais preparado, com vontade de tratar meu cliente ainda melhor", diz.

 

Fonte: Por: Fernando Pereira - Revista Painel Imobiliário.

Este site não produz qualquer uma das notícias nele publicadas, funcionando apenas como mecanismo automático que "ecoa" notícias já existentes. Não nos responsabilizamos por qualquer texto aqui veiculado.

 

NÃO DEIXE DE VER AS OPORTUNIDADES EM:

PLANO PILOTO/DF   - ÁGUAS CLARAS/DF   - SETOR NOROESTE/DF   - SAMAMBAIA/DF



Data: 21/03/2012




Mais notícias

Produzido por W21 Studio
Criação de sites
NUROA

* Os preços e as condições de pagamento aqui divulgadas são orientativos e poderão sofrer alterações eventualmente, não refletindo as condições de pagamentos virgentes. A(s) unidade(s) apresenta(s) poderá(ão) também não estar mais disponivel para venda.
Consulte o corretor para saber as informações atuais.